- Casa da Ovelha

Ir para o conteúdo

Menu principal:

HISTÓRIA

HISTÓRIA DA CASA DA OVELHA

           O primeiro laticínio com inspeção oficial especializado no beneficiamento do leite de ovelha no Brasil, foi a Confer Alimentos (Lacaune), localizado em Viamão (RS). A Casa da Ovelha é o segundo laticínio inspecionado que beneficia o leite. Localizada na serra gaúcha e inserida no roteiro turístico Caminhos de Pedra, em Bento Gonçalves, a indústria processa, aproximadamente 100.000 litros por ano. Esta produção é transformada em iogurtes, doce de leite e queijos como o Feta, Pecorino Toscano e Ricota.
           Atualmente, os rebanhos da Casa da Ovelha e de quatro produtores da região somam juntos, 900 ovelhas Lacaune. Cada produtor divide a pequena área que possui e seu trabalho diário entre os parreirais e as ovelhas. O sistema de criação é o semiconfinamento em galpão de piso ripado, sendo que, em determinadas épocas do ano, os animais são soltos sob os parreirais. A alimentação dos animais é baseada em silagem de milho, ração, feno e pasto.
           Os produtores de leite recebem da Casa da Ovelha a genética e todo o programa de acasalamento, bem como a assistência técnica necessária. Para diminuir a estacionalidade na produção de leite, são realizados quatro períodos reprodutivos ao longo do ano. Assim, têm-se dois lotes de ovelhas em lactação, um no início e outro no final deste período.
          Na região de Bento Gonçalves, a ordenha das ovelhas é iniciada no primeiro dia após o parto e apenas as fêmeas continuam sendo amamentadas. Este período aumenta gradualmente, quando são desmamadas (com aproximadamente 12-15 kg), sendo que as ovelhas seguem sendo ordenhadas duas vezes ao dia por mais cinco meses. As cordeiras desmamadas vão para a fase de recria.

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal